sexta-feira, 18 de novembro de 2011

TÉCNICAS DE VENDAS - COMO ABORDAR SEU CLIENTE COM EFICIÊNCIA

Técnicas de Vendas - Abordagem eficiente como fazer?






Para entender o Cliente é preciso empatia, colocar-se em seu lugar.

Primeiro uma abordagem padrão é sempre bem vinda para quebrar o gelo inicial do cliente em qualquer seguimento, porém como fazer uma abordagem sem comprometimento com uma negativa.




Abordagens que devem ser abolidas do vocabulário de um profissional de venda são elas:


 • Pois não: essa é totalmente errada, pois parte do principio já dando ao próprio cliente uma negativa com a palavra “não”.

• Posso ajudar: Pronto você acaba de pedir pra ganhar uma resposta que pode ficar sem jeito, Ex. “Posso ajudar?” Resposta. “Não”, acabou de criar uma barreira no atendimento do seu cliente.

• E ai: Qual cliente que entra numa loja seja ela de qualquer seguimento e confia em um vendedor que o recebe com um sonoro “E ai”.

• Oi, Precisa de algo: Já foi você acaba de fazer uma pergunta aberta e a resposta nem sempre pode ser agradável, “Oi, precisa de algo” Resposta “Não só estou olhando”.

• Beleza: Pode ser loja de moda, de carro, de alimento, quitanda, qualquer estabelecimento, pois quando cumprimentar alguém assim em seu estabelecimento você estará sendo tremendamente informal.

O que fazer então?

Nada como a velha e boa abordagem padrão:

• Bom dia, Boa tarde, Boa noite: Sempre bem vinda e mostra para seus clientes a educação e a satisfação de o ver passando pela porta de sua loja, sem contar que ele seguramente te respondera em tom totalmente receptivo.

Após fazer uma abordagem padrão a seqüência se torna fácil, veja abaixo um exemplo de abordagem errada e certa:

Errado:

Vendedor: “Posso ajudar”
Cliente: “Não”

Pronto cliente fechado vendedor bloqueado, mesmo quando o cliente fizer isso por brincadeira o resultado ainda é pior, pois o cliente passa a dominar a situação e o vendedor passa a ser um “atendente”.


Certo:

Vendedor: “Bom dia”
Cliente: “Bom Dia”

Vendedor: “Meu nome é Paulo e o seu”
Cliente: “João”

Vendedor: “Seja bem vindo em nossa loja, o senhor já a conhece”?
Cliente: “Não”
Vendedor: “Então terei o prazer em apresentá-la pro senhor”

E assim a conversa flui normalmente, e o mais importante com um profissionalismo sem perder o domínio das ações a serem tomadas.

Autor: Judson Fabiano.
Fonte: Blog A arte da venda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário